As Profissões do Futuro

O avanço da tecnologia, da inteligência artificial e o boom da 4ª Revolução Industrial vão mudar o mercado de trabalho até 2023, segundo pesquisa feita pelo Senai.

A rápida inclusão da tecnologia e da computação em nuvem no dia a dia das empresas vão impulsionar a procura por empregos ligados à tecnologia. Engenheiros, especialistas em programas computacionais, operadores de robôs e pesquisadores são algumas das vagas que mais terão procura nos próximos anos.

A automação nos processos de produção é a grande chave para tal mudança. Com máquinas e robôs cada vez mais complexos, e com nível operacional mais alto, os profissionais que irão operar essas máquinas também vão precisar de um nível de conhecimento maior.

A profissão que apresentou a maior alta (22,4%) foi a de profissionais condutores de processos robotizados. A demanda por pesquisadores de engenharia e tecnologia deve crescer 17,9% e a procura por especialistas em comunicação de dados aumentará em 15%.

A demanda por esses profissionais mais capacitados virá de diferentes áreas, destacando-se as organizações que atuam com pesquisa e desenvolvimento, metalmecânica, construção, logística, alimentos, informática, entre outras.

Sem dúvida, esta é uma grande oportunidade para a indústria e para todos os futuros empregados com carteira assinada. Porém existe também um grande desafio. Será necessário qualificar 10,5 milhões de trabalhadores nos próximos anos, com cursos superior e técnico.

Fonte: O Globo Economia